Instituto de Pesquisa Psíquicas Imagick

Fiz de Tudo, Mas Não Adiantou

.
...
 
Por: Zelinda Orlandi Hypolito
.
Às vezes algumas pessoas nos procuram dizendo: 
“Fizemos TUDO o que podíamos mas parece que nada é o bastante”. 

Realmente, se tudo foi feito e não é o suficiente, temos duas explicações plausíveis – ou nunca nada será o suficiente ou o que o “insatisfeito” espera é algo que não tem nada a ver com o TUDO que a outra pessoa pode ou quer oferecer.

Vamos à primeira hipótese, a do eterno insatisfeito – existem pessoas que realmente nunca irão se satisfazer, porque logo que conseguem o que almejam, o objeto conseguido (não importa se animado – como um namorado - ou inanimado - como um carro) já deixou de ser o seu foco e já existe um outro em seu lugar. Neste caso, não perca seu precioso tempo tentando alcançar o impossível. 
 

Essa pessoa vai sempre se achar o “perseguido pelo destino”. Por mais que você faça, nunca vai conseguir deixá-lo feliz ou satisfeito porque o problema não está no que essa pessoa quer, mas no que ela ainda não tem...

Segunda hipótese – você está atirando no alvo errado. 

Isto é muito comum em relacionamentos próximos – você poderá estranhar, porque,  se o relacionamento é estreito as pessoas deveriam saber o que o outro espera dela – grande engano! Nós, seres humanos, temos uma grande dificuldade de ver o outro, ou melhor, temos facilidade em ver o outro através de nós mesmos, nossas vontades, nossos pontos de vista, portanto, nossas necessidades.
 

Esta postura tão normal, impede que vejamos o que realmente o outro espera de nós. É muito comum, nestes tempos estranhos, que os pais encham a criança de brinquedos na vã esperança de que ela fique feliz, satisfeita ou agradecida. 

Quem alguma vez assistiu o saudoso filme “Mon Oncle”,  de Jaques Tati, sabe que isso não é verdade. 
 

A criança quer a companhia, o carinho, o tempo “presente” (às vezes o pai está mesmo fisicamente com a criança, mas o escritório ocupa toda a sua cabeça). 

Como, nestes dias estranhos que vivemos,  as pessoas dão mais valor ao TER do que ao SER, o pai é levado a se julgar um excelente pai se puder dar ao filho um tênis de marca ou um computador  de última geração, e ele acredita nisso. 

Com o tempo, essa crença vai  passar para o filho que, no fim, passa a acreditar que o pai só gosta dele se der tudo o que ele quer...

Pronto... o círculo vicioso foi formado. 
 

Com esta necessidade do TER para sentir-se aceito ou amado, o TER passa a ser a necessidade vital de sobrevivência em detrimento ao SER.

Você ficaria espantado se eu falasse quantas crianças chegavam ao meu consultório e mal sabiam o que seus pais pensavam, não conhecia a história deles, seus parentes, nem suas crenças ou religião. Como se pode amar o SER, se a criança nem ao menos o conhece? Resta-lhe amar o TER – assim se estabelece a distorção do amar.
 

Se esse é o seu caso, acredito que sempre há tempo para consertar o mal entendido. Acredito que, se você quiser, pode reconquistar seu filho oferecendo o seu SER para ser conhecido e amado. 

Vale a pena tentar, todos temos um interior de luz e se você agir, pode ter uma grande e feliz surpresa...
 
 

 
Saudações mágickas....


 Zelinda Orlandi Hypolito


Zelinda Orlandi Hypolito

É psicóloga clínica com especialidade em regressão de memória e terapia de dessensibilização progressiva de incidentes traumáticos primários. É Coordenadora das atividades da Cidade das Estrelas, Vice-Presidente do Instituto de Pesquisas Psíquicas Imagick e co-criadora de todos os cursos regulares promovidos por esta entidade. 

Telefones: (011) 3031.3076 - 3813.9187 - 3813.4123 
Email : zelinda@imagick.org.br 

Toda sabedoria do passado

Numa linguagem atual e aplicada de uma maneira prática

Você encontra na Irmandade das Estrelas.

Onde os bruxos conspiram e os magos operam...

imagicklan@imagick.org.br


 
 Volta para página inicial
 Vai para atividades do mês
 Volta para Índice Geral do Imagick

boletim@imagick.org.br
 
 


Instituto de Pesquisas Psíquicas Imagick
Uma escola moderna de magia
(0xx) (11) 3813.4123
 
 
 


Página desenvolvida por:
Imagick Edições e Comunicações Visuais


Quem somos O Imagick A Cidade das Estrelas A Irmandade das Estrelas Programação de Atividades Nossa Turma (Biografias) Contatos / Redes Sociais Cursos e Vivências Cursos Imagick ao Vivo Cursos e Vivências em CDs Cursos e Vivências em DVDs Programe sua Mente Reprograme sua Mente Vivências Externas Consultas Online Consulta Gratuita de Tarot I Ching Gratuito Runas Grátis Consulta ao Mestre Nazareno Reicki a Distãncia Oráckulo - Mensagem do Dia Pantáculos Zodiacais O Baú Magicko da Bruxa Pratickas Saude Magicka Treinamentos Magickos Meditações Magickas Orações Magickas Pensamento Magicko Consultas Pessoais Consulta Particular de Tarot Regressão de Memória Criação de Pantáculos Artigos Novidades Psiquê Mágicka Sistemas Mágickos Artigos Intrigantes Mistérios Curiosos Tradições Religiosas Comportamento Mágicko Música Magicka Notícias Mágickas Divertimentos Magickos Matemática Curiosa Variedades Significativas Ilusões Magickas Paginas Selecionadas Boletins Magickos Midia Fotos Magickas Videos Magickos Livros e Publicações Links Parceiros Imagicklan Nossa História Amor Incondicional Anjos e Demônios Consultas Gratis Vossos Deuses Deuses Egípicios Tipos de Magia Ser Bruxa Imagens de Jesus Reprograme sua Mente Cura pelo Pensamento Poder da Palavra Programação Mental Vida Secreta de Jesus A Pessoa de Jesus Tratamento Vidas Passadas Sistemas Alternativos Ritual de Pacto de Amor Bruxarias Magickas Runas e Numerologia Inscrição